Zona Eleitoral em Costa Marques não terá expediente nesta sexta-feira (1º)

Os atendimentos e os serviços eleitorais retornarão normalmente na segunda-feira, 4 de fevereiro

Os atendimentos e os serviços eleitorais retornarão normalmente na segunda-feira, 4 de fevereiro

O Juízo da 5ª Zona Eleitoral de Rondônia informa que não haverá expediente no dia 1º de fevereiro (sexta-feira), em virtude do feriado alusivo à instalação do município de Costa Marques, conforme disposição da Lei Municipal nº. 26/1985 e da Portaria TRE-RO nº 10/2019.

Mesmo com o feriado municipal em Costa Marques, muitos serviços estão disponíveis no Portal do TRE-RO na internet www.tre-ro.jus.br, tais como certidão de quitação eleitoral, certidão de crimes eleitorais, certidão de filiação partidária e consultas à situação eleitoral.

História

No século XVII havia na foz do Rio São Domingos, no Guaporé, uma povoação chamada Palmela, onde se instalara a Missão São José. Segundo registros de historiadores, o nome Palmela foi escolhido por um comerciante de Cuiabá, devido a uma tribo Caraíbas que habitava a região.

Em 14 de março de 1.769, D. Luís Pinto de Souza, governador da Capitania de Mato Grosso, determinou que fossem trocados os nomes de vários lugares, dentre eles o de São José, que passaria a se chamar Leomil, e o Sítio das Pedras, de Destacamento de Palmela.

Francisco Chianca, um dos desbravadores da região do Rio Guaporé, seringalista, narrou que devido à queda nos preços da borracha, pela depressão ocorrida no fim da Primeira Guerra Mundial, a companhia que financiava os seringalistas se retirou da área, não deixando outra opção, senão a fuga do lugar.

O nome Costa Marques é uma homenagem ao engenheiro e político mato-grossense, Manoel Esperidião da Costa Marques.

No dia 19 de janeiro de 1920, relata Chianca que o Dr. Espiridião da Costa Marques descia o Rio Guaporé, com destino ao Posto Fiscal de Guajará-Mirim e, ao cair da tarde, no Porto da Barra do São Domingos, parou para pernoitar no tapiri de Chianca. O anfitrião, impressionado com a cultura do visitante, após a sua partida, no dia seguinte, escreveu num pedaço de caixa de sabão Porto Costa Marques, fixando a tabuleta à beira do barranco. Daí surgiu o nome do futuro município de Costa Marques, que teve sua oficialização com a Lei nº 6.921, de 16 de junho de 1981, no ainda Território Federal de Rondônia.

Hoje, conforme informações do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o município de Costa Marques se estende por 4.987,177 km² e conta com uma população estimada de 17.855 habitantes.

E seus habitantes se chamam costa-marquenses. Sua região abrange ainda a reserva natural presente no território, Reserva Biológica do Guaporé e Reserva Extrativista do Rio Cautário, além de contar com o Parque Estadual Serra dos Reis e o Forte Príncipe da Beira.

Forte Príncipe da Beira

Em 20 de junho de 1776, nossos antepassados assentaram a pedra fundamental do Forte Príncipe da Beira, às margens do Rio Guaporé. Ali, nos confins mais inóspitos da Amazônia, duzentos homens trabalharam por nove anos numa empreitada que custou a vida do seu comandante, vitimado pela malária, além das vidas de outros mártires tragados pela selva.

Toda a construção foi edificada com cal e pedra, sendo que o depósito de granito mais próximo distava 300 km do sítio escolhido. Ao término da missão, estava concluído o projeto geopolítico concebido pelo Marquês de Pombal, que resguardou a soberania da Coroa Portuguesa sobre a região Norte ao firmar sua 'uti possidetis' nas fronteiras ratificadas pelo Tratado de Santo Ildefonso, em 1777.

Hoje o Forte Príncipe da Beira é guarnecido pela 17ª Brigada de Infantaria de Selva, Brigada Príncipe da Beira, que herdou a missão de vigiar aquele posto avançado do território pátrio.

 

Seção de Comunicação Social do TRE-RO

Fontes: Com informações fornecidas pela 5ª Zona Eleitoral em Costa Marques, assim como pelos portais eletrônicos da Prefeitura de Costa Marques, do Planalto, da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, do Wikipédia e da Câmara dos Deputados

Fotografia: Comunicação Social da 17ª Brigada de Infantaria de Selva

Siga-nos no Twítter e no Instagram

Curta nossa página no Facebook.

Acesse nosso canal no YouTube.     

Últimas notícias postadas

Recentes