TSE lança programa “JE na mão” nessa terça-feira (5)

Esta é a primeira edição do boletim criado para divulgar informações da Justiça Eleitoral de maneira simples e dinâmica

JE na mão

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou, nesta terça-feira (5), o programa “JE na mão”. Criado pelo núcleo de TV do TSE, o informativo semanal foi concebido para divulgação por meio das redes sociais e tem como objetivo mostrar de maneira simples e direta, em vídeos de um minuto, as principais notícias da semana da Corte Eleitoral e dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Os próximos programas serão veiculados todas as sextas-feiras.

Nesta primeira edição do boletim informativo, será possível conferir quais são as prioridades do TSE para 2019, bem como detalhes sobre a revisão biométrica do eleitorado e o resultado das eleições suplementares do último domingo, dia 3 de fevereiro.  

O programa desta semana já está disponível no canal do TSE no YouTube, no Facebook, no Instagram e no Twitter. Além disso, será divulgado pelo aplicativo de mensagens WhatsApp, por meio de lista de transmissão, a instituições como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o Ministério Público (MP), universidades, entre outras. Em razão de seu formato enxuto e dinâmico, a ideia é que o programa também venha a ser exibido nos intervalos das TVs parceiras do TSE, inclusive a TV Justiça.

TV TSE

Para dar maior visibilidade às decisões judiciais e às atividades administrativas, o TSE investe, ao longo dos anos, na produção de conteúdos para rádio e televisão, bem como para o canal de vídeos no YouTube da Justiça Eleitoral.

Em 2018, a TV TSE produziu 1.292 conteúdos, entre os quais 731 reportagens e 67 interprogramas que trataram de temas como esclarecimentos sobre notícias falsas, financiamento coletivo de campanha, voto em trânsito e segurança da urna. Foram criados, ainda, os programas de televisão Momento Eleitoral e Conexão Eleitoral, além dos já existentes Decisões do Plenário e Brasil Eleitor História

Os programas são exibidos pela TV Justiça, NBR, TV Senado e outros 290 veículos parceiros da Justiça Eleitoral.

Canal no YouTube

No ar desde julho de 2010, o canal oficial do TSE no YouTube teve um grande crescimento em 2018. O número de inscritos saltou de 29 mil, em janeiro, para 78 mil, em dezembro. Ou seja, um aumento de 170%. O canal do TSE na plataforma concentra todos os materiais e programas produzidos pelo núcleo de TV do Tribunal, além da transmissão ao vivo, em vídeo, das sessões de julgamento da Corte, cujos links são compartilhados no Portal e nas redes sociais do TSE.

 

Fonte: TSE

Últimas notícias postadas

Recentes